quarta-feira, 25 de janeiro de 2012

Argamassa baritada

Aparência: pó de baixa granulometria, cor marrom claro, sacos com 25kg;

Utilização:
Áreas: medicina, veterinária, odontológica e industrial (raios X, tomografia, mamografia, litotripsia, medicina nuclear, hemodinâmica, radioterapia, etc).

Modo de aplicação:
1. Um dia antes de aplicar a BARIMASSA, toda a superfície da parede deverá ser chapiscada.
2. Para preparar a mistura, adicionar, em média, 6 litros de água para cada 25kg de BARIMASSA, mexendo-a até obter uma mistura homogênea.
A aplicação da BARIMASSA deverá ser feita na parede assim que a mistura estiver pronta.
3. De acordo com o tipo de equipamento s ser utilizado na sala, diferentes espessuras de BARIMASSA devem ser aplicadas nas paredes. É de fundamental importância que a pessoal responsável pela execução do serviço saiba determinar a aplicação correta para cada caso em particular.
4. A mistura acima deverá ser aplicada na parede com uma colher de pedreiro. O uso de luvas plásticas é recomendado como proteção individual.
5. A seguir, a mistura aplicada na parede deverá ser sarrafeada com uma régua de alumínio. Dar o acabamento final com uma desempenadeira de madeira.
6. A parede não deverá ser utilizada durante o período de secagem, que é de 24 a 72 horas.
7. Todo material excedente do sarrafeamento poderá ser reaproveitado, sendo incluído na próxima mistura.
8. A parede poderá ser revestida com qualquer tipo de acabamento (azulejo, pintiura, cortiça, fórmica, tecido, papel de parede, etc) assim que a camada de BARIMASSA estiver 100% seca.

Dados técnicos
Densidade 3,2g/cm³. Atenuação linear com fontes radioativas "Am" 241 e "Eu" 152, detector de germânio hiper puro. Para energias de 60 kvs e de 80 a 1.300 kvs, com ajuste do "u" (coeficiente linear), por equação de 2º grau com três constantes e coeficientes de atenuação linear efetivo sem efeito de espalhamento.
Dados obtidos pela Cnen/SP (Comissão Nacional de Energia Nuclear)NPA-E-091/91.